Logistica

As Funções de um Técnico em Logística

O Que Faz Um Tecnico Em Logistica

O que é um técnico em logística ? É o profissional especializado na armazenagem, distribuição, transporte, processamento de pedidos, manuseio de matérias-primas e embalagem. É uma área voltada para quem quer trabalhar na indústria, serviço e comércio.

Descubra as responsabilidades de um técnico em Logística

Aqui estão 7 funções que um profissional de Logística pode desempenhar. Esteja atento!

Funções de um Técnico em Logística

Além disso, é fundamental possuir conhecimento acerca do transporte e armazenamento dos materiais dentro da empresa. Especificamente em uma indústria química, é importante evitar a proximidade de certos produtos devido aos riscos de acidentes.

Portanto, é fundamental estabelecer comunicação com especialistas de diferentes campos.

2. Controla o estoque

Dessa forma, é fundamental que os profissionais especializados em Logística estejam cientes da estimativa de vendas e do tempo necessário para a fabricação de cada produto. Essa informação permite calcular o espaço requerido para armazenar as mercadorias.

Além disso, o profissional deve manter o espaço bem organizado e identificado para que outros setores possam encontrar os produtos rapidamente.

3. Implementa procedimentos de segurança

A segurança e a higiene no trabalho são medidas e regulamentos implementados para garantir a proteção física e mental dos trabalhadores, evitando riscos específicos relacionados às suas tarefas e ao ambiente em que atuam.

Apesar de haver um curso técnico dedicado à segurança do trabalho, é importante ressaltar que o técnico em Logística também precisa ter conhecimentos nessa área. Isso se deve ao fato de que alguns colaboradores enfrentam situações de risco no dia a dia, como o uso de empilhadeiras ou o içamento de containers. É fundamental que esses profissionais estejam preparados para lidar com tais desafios e garantir a segurança no ambiente de trabalho.

Caso haja incerteza sobre as responsabilidades de um profissional especializado em Logística nesse campo, é importante destacar que sua principal função é garantir a segurança dos colaboradores do setor. Isso envolve a implementação de procedimentos e o fornecimento de orientações acerca das normas de segurança aplicáveis.

Além disso, é crucial garantir um design apropriado dos espaços utilizados e manter uma organização adequada do ambiente para assegurar a segurança tanto das pessoas quanto das máquinas em movimento.

Salário de um técnico em logística: qual é?

O cargo de Técnico em Logística oferece um salário inicial de R$ 1.808,00 e a possibilidade de ganhar até R$ 3.208,00. A média salarial para essa posição no Brasil é de aproximadamente R$ 2.369,00.

Para aqueles que estão começando na área da logística como técnicos, o salário inicial pode ser considerado satisfatório. No entanto, há oportunidades para aumentar seus rendimentos ao longo do tempo com base em experiência e habilidades adquiridas.

Uma maneira de buscar um aumento salarial é investir em educação continuada e obter certificações relevantes na área da logística. Por exemplo, fazer cursos específicos sobre gestão de cadeia de suprimentos ou operações logísticas avançadas pode abrir portas para melhores posições e remuneração mais alta.

You might be interested:  O Que É Logística Empresarial: Desvendando os Segredos do Sucesso nas Operações

Outra estratégia eficaz é buscar oportunidades dentro da própria empresa onde você trabalha atualmente ou procurar por vagas em outras organizações que ofereçam pacotes salariais mais atrativos para profissionais experientes em logística.

4. Gerencia o transporte

Cada uma possui suas próprias características e pode ser mais ou menos apropriada dependendo dos objetivos.

Nesse campo específico, é essencial que o profissional de logística possua habilidades linguísticas em línguas estrangeiras, sendo o inglês um requisito mínimo. Os procedimentos relacionados a essas transações são bastante intricados.

Caso você esteja se perguntando sobre as responsabilidades de um profissional da área de Logística nesse setor, é importante destacar que ele desempenha atividades como a negociação do transporte com empresas aéreas e marítimas, além de lidar com os trâmites alfandegários e o desembaraço aduaneiro.

Possíveis locais de trabalho para um técnico em logística

O profissional de logística é responsável por planejar e coordenar as atividades relacionadas ao transporte, armazenamento e distribuição de produtos. Ele pode trabalhar em diferentes áreas e setores, desde pequenas empresas até grandes corporações. Sua atuação pode ocorrer em empresas que produzem ou vendem produtos, prestadoras de serviços logísticos ou mesmo em empresas especializadas em transporte e distribuição.

Em uma empresa que produz ou comercializa produtos, o técnico em logística tem como função garantir a disponibilidade dos materiais necessários para a fabricação dos produtos. Ele também organiza o estoque, controla os níveis de inventário e coordena as atividades de recebimento e expedição das mercadorias.

Já nas prestadoras de serviços logísticos, o profissional é responsável por gerenciar toda a cadeia de suprimentos. Isso envolve desde o planejamento do fluxo dos materiais até a entrega final aos clientes. Ele deve garantir que todos os processos sejam realizados com eficiência e dentro dos prazos estabelecidos.

Nas empresas especializadas em transporte e distribuição, o técnico em logística desempenha um papel fundamental na organização das rotas, escolha do modal mais adequado (como caminhões ou navios) e no acompanhamento da entrega das mercadorias aos destinatários finais. Além disso, ele também deve lidar com questões burocráticas relacionadas à documentação necessária para realizar esses transportes.

6. Realiza o gerenciamento da cadeia de suprimentos

Uma das responsabilidades do técnico em Logística é o controle da cadeia de suprimentos, considerado um avanço na área. Além dos procedimentos internos, esses profissionais também lidam com os processos dos parceiros comerciais, como fornecedores, transportadoras e distribuidores finais.

O principal objetivo é assegurar a felicidade dos clientes, promover a harmonia entre as partes envolvidas e otimizar os procedimentos.

Um dos benefícios desse tipo de gerenciamento é que os envolvidos na cadeia de suprimentos atuam juntos, o que torna os processos mais sólidos e eficazes , aumentando a competitividade dos participantes.

Salário da área de logística: qual é o valor?

O profissional de logística é aquele que trabalha com a organização e controle do transporte, armazenamento e distribuição de produtos. Em média, esse profissional ganha um salário de R$ 2.153,85 por mês. Esse valor é calculado levando em consideração acordos coletivos entre os empregadores e os sindicatos da categoria.

No entanto, existe um piso salarial estabelecido para o ano de 2022, que é o valor mínimo que um técnico em logística deve receber pelo seu trabalho. Esse piso salarial está fixado em R$ 2.051,95 mensais. Essa quantia também leva em conta as negociações feitas pelos sindicatos.

É importante ressaltar que esses valores podem variar dependendo da região do país e das condições específicas de cada empresa contratante. Além disso, há uma faixa salarial máxima para esse cargo, que pode chegar a até R$ 4.493,58 por mês. Isso significa que alguns técnicos em logística podem receber remunerações mais altas se possuírem experiência ou habilidades especiais na área.

You might be interested:  O Que É ERP na Logística: Um Guia Completo para Entender e Implementar

7. Faz o contato com fornecedores

Fazer a gestão de suprimentos envolve tomar decisões estratégicas, como negociar preços e prazos, escolher entre um ou vários fornecedores confiáveis e organizar as entradas conforme a capacidade do estoque disponível. Essas são algumas das atividades essenciais para garantir o abastecimento adequado da empresa.

Dessa forma, os especialistas asseguram o equilíbrio entre tempo e recursos financeiros ao coordenar a disponibilidade dos fornecedores para garantir um fluxo contínuo de insumos sem sobrecarregar o estoque.

Próximos passos após o curso técnico em logística

Tecnólogo em logística,Tecnólogo em gestão de processos industriais,Bacharelado em administração,Bacharelado em engenharia da produção.

Descubra os motivos para cursar Logística como graduação

Então, que tal fazer a faculdade de Logística em uma instituição de ensino renomada, conceituada e preparada para oferecer uma formação de excelência aos alunos? Sabe de quem estamos mencionando? Da Anhanguera , é claro!

Nossa faculdade de Logística oferece um valor acessível para a graduação, além de contar com professores experientes no mercado de trabalho. A duração do curso é menor em comparação ao Bacharelado, pois se trata de uma formação Tecnológica.

Mas, afinal, quantos anos dura a faculdade de Logística ? Na Anhanguera, a duração é de 2 anos , com um total de 4 semestres. Durante esse tempo, você vai entrar em contato com várias matérias teóricas, além de ser necessário fazer atividades complementares.

Após compreender as responsabilidades de um profissional da área de Logística, é hora de dar o próximo passo e investir em seu futuro. Aproveite a oportunidade de realizar o curso superior na Anhanguera e esteja preparado para ingressar no mercado de trabalho!

Interessado em cursar Logística na Anhanguera? Aproveite e faça sua inscrição no vestibular online!

O técnico mais bem remunerado

De acordo com um levantamento realizado pelo Glassdoor, uma das profissões técnicas que apresenta o melhor salário atualmente é a de Técnico em Manutenção Mecânica. Com uma média salarial mensal de R$ 5.419, esse curso técnico se destaca como uma opção promissora para aqueles que desejam ingressar nessa área.

Com a crescente demanda por serviços especializados na área da manutenção mecânica, especialmente nas indústrias automobilística e metalúrgica, os técnicos nesse campo têm sido valorizados no mercado de trabalho. Empresas estão dispostas a oferecer remunerações atrativas para atrair talentos qualificados capazes de lidar com as complexidades dos sistemas mecânicos modernos.

P.S.: É importante ressaltar que o salário pode variar dependendo do local onde o profissional está inserido geograficamente, do porte da empresa contratante e da experiência prévia do técnico em questão. Portanto, antes de tomar qualquer decisão baseada apenas no aspecto financeiro, é fundamental considerar outros fatores relevantes para sua carreira profissional.

Qual área da Logística é a mais vantajosa?

O armazenamento e embalagem são etapas essenciais na área de logística, pois estão diretamente relacionadas à otimização dos espaços físicos. Um técnico em logística é responsável por planejar e organizar a disposição dos produtos nos estoques, garantindo que haja espaço suficiente para armazenar todos os itens de forma segura e eficiente. Além disso, ele também deve cuidar da embalagem adequada dos produtos, visando protegê-los durante o transporte e facilitar sua identificação.

Outra área promissora para quem deseja trabalhar com logística é o planejamento de demanda e estoque. Nessa função, o profissional será responsável por analisar as tendências do mercado, prever a demanda futura dos produtos e estabelecer estratégias para manter um nível adequado de estoque. Isso envolve realizar análises estatísticas, acompanhar indicadores de desempenho e tomar decisões assertivas sobre compras ou produção.

You might be interested:  Logística Internacional: Uma Visão Geral

A gestão da cadeia de suprimentos (supply chain) também faz parte das atribuições do técnico em logística. Essa atividade consiste em coordenar todas as etapas do processo produtivo desde a matéria-prima até a entrega final ao cliente. O profissional precisa estar atento aos prazos, custos e qualidade em cada uma dessas etapas, buscando sempre otimizar os processos para garantir uma maior eficiência operacional.

Além disso tudo mencionado anteriormente,o controller logístico é outro papel importante desempenhado pelo técnico em logística.Esse profissional tem como objetivo monitorar os indicadores-chave de desempenho (KPIs) da área logística, como custos de transporte, tempo de entrega e nível de estoque. Com base nessas informações, ele deve identificar possíveis problemas ou oportunidades de melhoria e propor ações corretivas ou preventivas.

Por fim, a prevenção de perdas é uma preocupação constante na área logística. O técnico em logística deve estar atento aos riscos relacionados ao transporte e armazenamento dos produtos, buscando minimizar as chances de danos ou extravios. Isso envolve o uso adequado de embalagens protetoras, a adoção de medidas para evitar furtos ou roubos e a implementação de sistemas eficientes para controle e monitoramento das mercadorias.

O nome dado a quem se forma em logística é o quê?

Um analista de logística é responsável por diversas atividades relacionadas à gestão e otimização dos processos logísticos. Algumas das principais funções desempenhadas por um analista de logística incluem:

1. Análise e melhoria dos processos logísticos: o analista identifica oportunidades de melhorias nos procedimentos, buscando aumentar a eficiência operacional da cadeia de suprimentos.

2. Planejamento de rotas: ele é responsável por definir as melhores rotas para o transporte de mercadorias, levando em consideração fatores como distância, tempo estimado e custo.

3. Gerenciamento de estoque: o analista monitora os níveis de estoque da empresa, garantindo que haja disponibilidade suficiente para atender à demanda do mercado sem excessos ou desperdícios.

4. Avaliação do desempenho operacional: ele realiza análises periódicas para avaliar o desempenho da área logística, identificando possíveis gargalos ou problemas que podem afetar a eficiência do processo.

5. Negociação com fornecedores e transportadoras: o analista busca parcerias estratégicas com fornecedores e transportadoras, negociando contratos vantajosos em termos financeiros e prazos de entrega.

6. Controle documental: ele garante que todos os documentos necessários para a movimentação das mercadorias estejam corretamente preenchidos e atualizados, evitando problemas legais ou fiscais.

7. Gestão de indicadores chave (KPIs): através da definição e acompanhamento dos KPIs relevantes para a área logística, o analista consegue mensurar o desempenho e identificar oportunidades de melhoria.

8. Análise de demanda: ele analisa as tendências do mercado, prevendo a demanda futura para que os recursos logísticos sejam adequadamente dimensionados.

9. Gestão de devoluções: em casos de produtos com defeito ou insatisfação dos clientes, o analista coordena o processo de devolução e substituição das mercadorias, garantindo a satisfação do cliente final.

10. Implementação de tecnologias: o analista busca constantemente por soluções tecnológicas que possam otimizar os processos logísticos da empresa, como sistemas integrados de gestão (ERP) ou softwares específicos para controle e rastreamento das operações.

Essas são apenas algumas das atividades desempenhadas por um analista de logística. É importante ressaltar que suas responsabilidades podem variar dependendo da empresa e do setor em que atua.